sexta-feira, 19 de setembro de 2014

1-O Brasil, devido sua localização e grande extensão territorial, abriga diversos tipos de cobertura vegetal, sendo que cada Região brasileira apresenta um bioma predominante. Nesse sentido, relacione o estado ou região ao tipo de vegetação predominante.
Descrição: http://www.brasilescola.com/upload/conteudo/images/tab(2).jpg
2-Vegetação típica de regiões costeiras, sendo uma área de encontro das águas do mar com as águas doces dos rios. A principal espécie encontrada nesse bioma é o caranguejo. Essas características são do:
a) Cerrado
b) Mata de Cocais
c) Mangue
d) Caatinga
e) Pantanal

3-O texto abaixo refere-se à qual formação vegetal?
“De origem bastante discutida, essa formação é característica das áreas onde o clima apresenta duas estações bem marcadas: uma seca e outra chuvosa, como no Planalto Central. Ela apresenta 2 estratos nítidos: uma arbóreo-arbustivo, onde as espécies tortuosas têm os caules geralmente revestidos de casca espessa, e outro herbáceo, geralmente dispostos em tufos”.
a) Floresta tropical
b) Caatinga
c) Formação do Pantanal
d) Mata semiúmida
e) Cerrado 

4-Sobre as formações fitogeográficas ou Biomas existentes no Brasil, assinale a(s) proposição (ões) correta(s).
a) O Cerrado é uma formação fitogeográfica caracterizada por uma floresta tropical que cobre cerca de 40% do território brasileiro, ocorrendo na Região Norte.
b) A Caatinga é caracterizada por ser uma floresta úmida da região litorânea do Brasil, hoje muito devastada.
c) O Mangue ocorre desde o Amapá até Santa Catarina e desenvolve-se em estuários, sendo utilizados por vários animais marinhos para reprodução.
d) O Pampa ocorre na Região Centro-Oeste onde o clima é quente e seco. A flora e a fauna dessa região são extremamente diversificadas.
e) A Floresta Amazônica está localizada nos estados do Maranhão e do Piauí e as árvores típicas dessa formação são as palmeiras e os pinheiros.
f) O Pantanal ocorre nos estados do Mato Grosso do Sul e do Mato Grosso, caracterizando-se como uma região plana que é alagada nos meses de cheias dos rios.
g) A Mata Atlântica é uma formação que se estende de São Paulo ao Sul do país, onde predominam árvores como o babaçu e a carnaúba, e está muito bem preservada.

5-Localizado principalmente na Região Centro-Oeste, esse bioma é caracterizado pela presença de pequenos arbustos e árvores retorcidas, com cascas grossas e folhas recobertas de pelos. Solo deficiente em nutrientes e com alta concentração de alumínio. Marque a alternativa que corresponde ao bioma que apresenta as características descritas.
a) Mangue
b) Caatinga
c) Campos
d) Cerrado
e) Mata de araucária

6-O território brasileiro possui diversos biomas, entre os quais destacam-se a Floresta Amazônica, o Cerrado e a Mata Atlântica. Sobre esses biomas, é correto afirmar:
a) O cerrado, que se localiza na região central do Brasil, tem como característica formar-se em solos pobres e arenosos e, em consequência, é pouco ameaçado pela expansão agrícola.
b) A Floresta Amazônica, formação localizada notadamente no norte do Brasil, tende a desaparecer nas próximas décadas, haja vista que o desmatamento e as queimadas têm seus índices elevados ano a ano, evidenciando a ausência de políticas públicas voltadas à conservação daquela floresta.
c) A Mata Atlântica, formação que se estendia desde o litoral nordestino ao Rio Grande Sul, onde se localiza boa parte dos maiores centros brasileiros, foi o bioma mais desmatado do país, motivo pelo qual seus remanescentes foram transformados em unidades de conservação, o que lhe garante a maior extensão em áreas preservadas do Brasil.
d) Uma característica comum entre esses três biomas é que todos apresentam elevada biodiversidade e presença de espécies endêmicas, evidenciando que todos precisam ser igualmente preservados.
e) No Norte do Brasil, a urbanização excessiva das cidades tem como consequência o desmatamento e as queimadas, comprometendo a conservação da floresta, fato que frequentemente ganha grande dimensão na imprensa.

7-O sistema de alerta baseado em satélites do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) detectou 498 Km2 de desmatamentos na Amazônia Legal por corte raso ou degradação progressiva, em agosto de 2009. Desse total, 301 Kmforam registrados no Pará.
A cada quinzena, os dados são enviados ao IBAMA, responsável pela fiscalização das áreas. O sistema indica tanto áreas de corte raso – quando os satélites detectam a completa retirada da floresta nativa – quanto áreas classificadas como degradação progressiva, que revelam o processo de desmatamento na região.

Adaptado de: www.inpe.br .

O texto faz referência a uma região em que predomina o clima
a) tropical úmido.
b) tropical semiárido.
c) tropical semiúmido.
d) subtropical úmido.
e) equatorial.

8-O pau-brasil foi a primeira matéria tintorial vinda da América a ser comercializada na Europa [...] A exploração do pau-brasil é reconhecida como o primeiro ciclo econômico da história do Brasil. [...] Foi explorado pelas maiores potências comerciais de então (portugueses, franceses, holandeses e ingleses, entre outros). [...] Em 1501, dom Manuel declarou o paubrasil monopólio da Coroa portuguesa. [...] Embora tenha sido oficialmente designado como espécie em perigo de extinção, o pau-brasil continua sendo alvo de comércio ilegal e também avança incessantemente o desmatamento de seu hábitat natural. [...] A redução da área original é o fator que mais coloca em risco a sobrevivência do pau-brasil, implacavelmente devastada ao longo dos últimos 500 anos.


(Eduardo Bueno. Pau-Brasil, 2002. Adaptado.)


O hábitat natural do pau-brasil é o bioma
a) Mata Atlântica.
b) Amazônico.
c) Cerrado.
d) Caatinga.
e) Pantanal.

9-A relação entre a massa de ar atuante no Brasil e suas características está CORRETA na alternativa:
a) Equatorial Continental (quente/úmida) - Atua na Amazônia Ocidental e nas demais regiões do Brasil (no verão) provocando chuvas.
b) Tropical Atlântica (fria/seca) - Atua com mais intensidade nas Regiões Sul e Sudeste. Provoca chuvas de inverno no litoral do Nordeste e quedas de temperatura na Amazônia.
c) Tropical Continental (quente/úmida) - Atua principalmente no litoral das Regiões Norte e Nordeste, formando os ventos alísios de nordeste.
d) Equatorial Atlântica (quente/seca) - Atua no litoral

10-As características descritas abaixo fazem referência a um único tipo de clima brasileiro. Analise-as e responda a qual tipo de clima elas estão se referindo.
  • Temperaturas médias elevadas ao longo do ano.
  • Baixa precipitação anual
  • Chuvas mal distribuídas.
  • Devido ao tipo de clima, os rios predominantes são intermitentes.
a)     Clima Tropical
b)     Clima Equatorial
c)     Clima Subtropical
d)     Clima Tropical Úmido
e)     Clima Semiárido


GABARITO
1-(a)(b)(c)(d)(e)(f)(g)(h)(i)
2-c
3-e
4-  Falso, Falso, Verdadeiro, Falso, Falso, Verdadeiro, Falso
5- d
6-b

7-e

8-a

9-a

10-e


quarta-feira, 17 de setembro de 2014

EXERCÍCIOS DO 1ª ANO (ESCOLA ZACHARIAS DE ASSUMPÇÃO)
1-As placas tectônicas movimentam-se aleatoriamente, ou seja, de forma não agrupada e organizada. No entanto, a direção que elas tomam deve-se à orientação da pressão magmática exercida logo abaixo delas.
Nesse sentido, quando duas placas tectônicas movimentam-se no sentido contrário ou divergente, temos a formação de:
a) Cordilheiras
b) Falhamentos
c) Dobramentos
d) Fossas oceânicas
e) Bacias sedimentares

2-Assinale a alternativa que indica um acidente geográfico que não tenha sido diretamente originado pela ação das placas tectônicas:
a) Cordilheira dos Andes
b) Grand Canyon
c) Falha de San Andreas
d) Monte Everest
e) Alpes

3-O intemperismo é um tipo de agente de transformação de relevo caracterizado por atuar através de processos químicos, físicos e biológicos, transformando as rochas. O tipo de rocha formada pela ação do intemperismo é a:
a) ígnea
b) sedimentar
c) granítica
d) metamórfica
e) intrusiva

4-Assinale a alternativa que apresenta somente consequências dos movimentos das Placas Tectônicas:
a) dobramentos modernos,  vulcanismo, terremotos.
b) escudos cristalinos, bacias sedimentares, planícies, planaltos.
c) planaltos, falhas geológicas, bacias sedimentares, cadeias montanhosas.
d) falhas geológicas, vulcanismo, sedimentação, dobramentos.
e) vulcanismo, cadeias montanhosas, escudos cristalinos, bacias sedimentares.

5-O granito, o calcário e o mármore são, RESPECTIVAMENTE, exemplos de rochas:
a) magmática, metamórfica e magmática intrusiva;
b) magmática, sedimentar e metamórfica;
c) metamórfica, sedimentar orgânica.
d) química, orgânica e sedimentar;
e) orgânica, metamórfica e magmática.

6-É a camada da atmosfera mais próxima da superfície terrestre, com uma altitude que varia entre 12 e 18 km. Nela se concentra cerca de 80% dos gases atmosféricos. É também nessa camada que ocorrem as chuvas, o vento, a umidade do ar...
Estamos falando da:
a) Troposfera
b) Ionosfera
c) Mesosfera
d) Estratosfera
e) Biosfera

7-A figura abaixo representa:



a)Limite divergente entre as placas tectônicas.
b)Limite transformante entre placas tectônicas.
c)Limite divergente e convergente ao mesmo tempo.
d)Limite divergente e transformante ao mesmo tempo.
e)Limite convergente entre placas tectônicas.

8-Dentre os elementos abaixo enumerados, assinale aquele que não é um fenômeno atmosférico:
a) Variação de temperatura
b) Índice de umidade
c) Formação de nuvens
d) Derretimento de geleiras
e) Formação de neblinas

9-A atmosfera possui três principais camadas: a ionosfera, a estratosfera e a troposfera. Sobre a atmosfera, assinale a alternativa INCORRETA:
a) O ozônio encontra-se na estratosfera.
b) A troposfera é uma camada muito importante, pois é com ela que os habitantes da Terra estão permanentemente em contato; é nela que se formam os ventos, as nuvens e a chuva.
c) O oxigênio existe em menor quantidade nos lugares mais altos. Pode-se, então, dizer que a atmosfera não é homogênea.
d) O ar, ao contrário da terra e da água, não transforma a energia solar em calor. Por isso, os raios solares atravessam a atmosfera sem aquecê-la e incidem sobre a superfície da Terra. Aí o calor é produzido e se irradia pela atmosfera. Por isso, os lugares mais baixos são mais quentes que aqueles que ficam em altitudes mais elevadas.
e) Na troposfera, os gases que predominam são nitrogênio, gás carbônico, oxigênio e gás natural.


GABARITO
1-d
2-b
3-b
4-a
5-b
6-a
7-e
8-d

9-e

segunda-feira, 24 de março de 2014

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE ANANINDEUA
E. M. ENSINO FUNDAMENTAL ANTONIO TEIXEIRA GUEIROS
PLANO DE CURSO: 3ª ETAPA (2014)
DISCIPLINA: GEOGRAFIA
OBJETIVOS:
- Saber usar e interpretar mapas e descrever as transformações da Terra;
-Saber utilizar as técnicas de orientação e localização;
-Relacionar as formas de apropriação do espaço geográfico pelo homem e os problemas ambientais causados por essas atividades;
-Contextualizar temas de interesse global como água e os diversos tipos de poluições.
-Transferir e aplicar os conceitos básicos da geografia na caracterização do espaço brasileiro;
-Entender a classificação do Brasil como país emergente ou periférico e o processo histórico responsável por essa situação;
-Comparar e estabelecer as diferenças e semelhanças existentes entre o Brasil e os vários grupos das regiões;
-Identificar as mudanças sócio econômicas no Brasil


ESTRATÉGIAS:
· Leitura de mapas e gráficos.
· Construção de textos, debates promovidos pelo professor, juntamente com os alunos;
· Análise de filmes em vídeos;

Período
Conteúdo
Primeiro Bimestre
I UNIDADE: A Terra um astro do Universo
-A Terra é limitada, é apenas um dos inúmeros corpos celestes no Universo
-Os principais movimentos da Terra

II UNIDADE: Orientação e localização
-Os polos e os  hemisférios da Terra
-Orientação pelo  Sol e pelas Estrelas
-Paralelos,  meridianos, latitude, longitude e as coordenadas geográficas
-As Zonas Térmicas da Terra
-Os fusos horários
Segundo Bimestre
III UNIDADE: Fundamentos de cartografia
-Representações da superfície terrestre
-Os mapas e sua importância
-Leitura e interpretação dos mapas
-A cartografia temática e sua interpretação

Terceiro Bimestre
IV UNIDADE: Interações no espaço natural
-A Litosfera
-A Hidrosfera-
-A Atmosfera
-Climas e biomas
-A Biosfera


Quarto Bimestre
IV UNIDADE: Regionalização do Brasil
-As várias maneiras de regionalizar o Brasil
-Características gerais da Região Norte
-Características gerais da região Nordeste
-Características gerais da região Centro-Oeste
-Características gerais da região Sudeste
-Características gerais da região Sul






















SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE ANANINDEUA
E. M. ENSINO FUNDAMENTAL ANTONIO TEIXEIRA GUEIROS
PLANO DE CURSO: 4ª ETAPA (2014)

DISCIPLINA:GEOGRAFIA

OBJETIVOS:
-Compreender as mudanças ocorridas no espaço geográfico, identificando-as em seu contexto histórico e estabelecendo entre elas uma relação temporal;
-Aplicar os conhecimentos específicos das linguagens geográficas e cartográfica na interpretação de gráficos, mapas, e tabelas que permitam a compreensão de fatos econômicos e geopolíticos;
-Identificar as relações entre problemas ambientais e situações geográficas;
-Comparar os vários processos de formação econômica, identificando o papel que desempenham nas diferenças existentes entre países desenvolvidos e subdesenvolvidos.

ESTRATÉGIAS:
· Leitura de mapas, gráficos e tabelas.
· Construção de textos, debates promovidos pelo professor, juntamente com os alunos;
· Apresentação de seminários com base nas leituras, nos debates e nas aulas expositivas dialógicas;
· Análise de filmes em vídeos;
                                                                                                                                       

Período
Conteúdo
Primeiro Bimestre
I UNIDADE: Do meio natural ao meio técnico  científico informacional
-Meio Natural
-Meio Técnico
-Meio Técnico Científico
-Meio Técnico Científico Informacional

II UNIDADE: A nova Geopolítica
-O Capitalismo e suas fases
-Da Guerra Fria a Ordem Mundial Atual

Segundo Bimestre
III UNIDADE: Reorganização do  espaço mundial.
-Diferentes classificações socioeconômicas dos Países
-Formação dos blocos econômicos
- O processo de globalização e as contradições do mundo globalizado.
Terceiro Bimestre
III UNIDADE: A economia transformando o espaço mundial
-Economias emergentes e o BRIC
-O Grupo dos 20 (G-20)
-Economias periféricas

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Muitas pessoas não dão a devida importância à regularização da aquisição de sua propriedade de bem imóvel, fato que pode gerar problemas.
No Brasil, via de regra, a transmissão da propriedade imóvel é um procedimento complexo, que se inicia com a escritura pública, lavrada por Tabelião de Notas da confiança das partes, e concretiza com o registro da mesma, junto ao Oficial de Registro de Imóveis competente. Logo, apenas é dono, aquele que tem escritura pública registrada!
Muitos se esquecem desse procedimento, e acabam tendo como única “prova” de sua propriedade, contratos particulares, desatendendo a regra acima explicada. Isso pode gerar inúmeros transtornos, tanto para o vendedor, como para o comprador.
Esse último seria o maior prejudicado, pois enquanto não tiver sua escritura pública registrada, ainda não será legalmente dono do imóvel. Isso pode ensejar, por exemplo, nova venda do imóvel adquirido, pois o bem não foi objeto de transferência legal.
O vendedor, por sua vez, sendo ainda legalmente o proprietário do bem, pode ser cobrado por dívidas contraídas pelo comprador, em especial com relação a tributos não pagos, mais habitualmente o IPTU. Muitos Municípios, dentre os quais Itaquaquecetuba, apenas transferem o cadastro de contribuinte de bens imóveis, com a apresentação da escritura pública devidamente registrada. Antes disso, mantém o cadastro em nome do vendedor.
Como se percebe, legalizar a propriedade de bem imóvel, é um bom negócio tanto para comprador, como para o vendedor. Atender os preceitos legais é essencial a essa legalização.https://www.blogger.com/blogger.g?blogID=555334311228135800#editor/target=post;postID=3874722981987213935

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

INVESTIMENTO EM IMÓVEIS NA PLANTA.
COMO FUNCIONA?


O imóvel na planta ( lançamento ) é vendido por um preço menor que o imóvel pronto. Quem investe em imóvel na planta e espera o tempo de construção, irá se beneficiar da valorização. Além disso, durante a fase de construção, somente um percentual do valor total do apartamento é pago, geralmente entre 25% e 40%, ficando a maior parte para depois do apartamento estar pronto.

EXEMPLO: Imóvel "X" no bairro Vila da Serra, na Grande Belo Horizonte.

A) Preço do imóvel na planta = R$400.000,00
B) Preço de venda do imóvel pronto dentro de 30 meses =
R$520.000,00

Valorização de 30% (estimativa bastante conservadora: Somente em 2009 o mercado imobiliário brasileiro valorizou 22% - incluindo todos os tipos de imóveis, prontos ou na planta e em todas as praças do país).
Veja principais fatores de valorização do bairro Vila da Serra


Lucro (item "B" menos item "A" do exemplo) = R$120.000,00

Quem investir os R$400.000,00 hoje, e receber R$120.000,00 líquidos em 30 meses, terá uma rentabilidade de 30% (R$120.000,00 sobre R$400.000,00 investidos), em um prazo de 30 meses.

MAS ATENÇÃO, O MELHOR VEM AGORA:
As condições de pagamento para imóveis na planta são muito facilitadas. O investidor pagará no máximo 40% (varia de 25% a 40%) = R$160.000,00 ao longo dos 30 meses (período de construção) e vai continuar tendo um lucro de R$120.000,00.

Quando o apartamento estiver pronto e for colocado à venda, a rentabilidade sobre valor investido até a entrega das chaves será bem maior:

Rentabilidade de 75% em 30 meses = Lucro de R$120.000,00 para um investimento de R$160.000,00. Considerando um investimento máximo (40%) até a entrega das chaves.

Se considerarmos o pagamento de 25% do valor total do imóvel (R$100.000,00) até a entrega das chaves, a rentabilidade passa a ser de 120% no mesmo período de 30 meses = Lucro de R$120.000,00 para um investimento de R$100.000,00, considerando a mesma estimativa conservadora de 30% de valorizoção no período.

Cálculos simplificados.
É necessário considerar o reajuste do INCC e os custos de transação e corretagem na venda. Neste exemplo, tais custos estão embutidos no preço de venda sem alteração significativa na rentabilidade.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Dia 22/11/2012 haverá na no Zaca a exposição dos trabalhos da Feira Científico Cultural com o Tema Profissões.

Proposta de Divisão do Estado do Pará

">